Regras básicas de moda masculina

Conheça os princípios básicos que regem esse universo fashionistas, seus usos e exceções

A máxima de que o homem é mais prático do que as mulheres está perdendo sua força. Isso porque cada vez mais o público masculino está procurando dicas e sugestões de moda, com a diminuição do preconceito e da ideia que esse espaço é apenas para o universo feminino, muitos rapazes começaram a se antenar e levar a sério os conceitos fashionistas.

Diante disso, o Portal Nó de Gravata hoje é voltado exatamente para esses homens modernos, e para ajudá-los nessa nova fase, vamos mostrar algumas regras básicas de moda masculina, suas exceções e como cumpri-las. Confere com a gente!

#1 Nunca coloque a carteira no bolso traseiro

Todo e qualquer volume adicionado à silhueta masculina pode ser prejudicial, em vista disto, muitos estilistas e ditadores de moda aconselham que os homens levem as suas carteiras no bolso interno do paletó. E os outros objetos, como celulares com mais de cinco polegadas de tela, também não devem ser guardados nos bolsos do quadril.

Exceção: quando estamos vestindo costumes, ternos ou levando maletas e bolsas nas quais podemos guardar nossos pertences é fácil, porém, e nas ocasiões em que tudo que temos é o velho jeans, a camiseta e o tênis?

Solução: quando for de extrema necessidade é aconselhável evitar o excesso, por exemplo, substituir a carteira cheia por uma carteira slim apenas com o necessário, tirar do molho de chaves apenas aquela que você for usar e não levar pertences a mais que façam volume desnecessário.

#2 Combine o cinto com o sapato

Essa regra é clara e serve para evitar que na pressa – aqueles de nós que não ligam para moda – não saiam de casa com cinto preto e sapato marrom. As cores precisam de uma ordem para não perder a harmonia do conjunto, a democracia na hora de se vestir é transmitida nas primeiras impressões, já que suas escolhas desde as roupas dizem muito sobre você.

Exceção: a regra pode ser quebrada em looks casuais, aliás, quanto mais casual, menor a necessidade de manter o essa harmonia entre cinto e sapato, nesses casos, as cores em acessórios podem ser abusadas.

Solução: nesses casos a nossa preocupação não se limita a duas peças, mas sim ao todo do conjunto, por isso não há necessidade de usar as mesmas cores, apenas o bom senso e coerência.

#3 Menos é mais

Já dizia Coco Chanel: “Antes de sair de casa, olhe-se no espelho e tire um acessório”, os looks discretos por serem mais fáceis de criar, também transmitem certo ar de elegância, já que todas as informações novas (cores, texturas, estampas, padrões) podem ser uma chance pecar pelo excesso.

Exceção: se você gosta de abusar e ousar nas combinações, fique a vontade para exagerar, mas claro, sem perder o equilíbrio visual ou conflitar as roupas com a ocasião e ambiente. Bom senso é sempre a chave.

Solução: sempre pesquise referências na internet com fundamentos de moda, e leia artigos atuais para não pecar nas escolhas, não precisa se vestir com as modinhas do dia, basta não errar na escolha.

#4 Quando estive em pé mantenha seu paletó/blazer aberto

Apesar de serem feitos com ajustes perfeitos para serem usados abotoados, e assim ficarem elegantemente ajustados ao corpo, o correto é abri-los quando estiver em pé.

Exceção: em casos que seus atos exijam muitos movimentos, o correto é abrir o paletó/blazer, isso por que fechado ele ficará desconfortável e ainda pode ocorrer de forças as costuras e botões.

Solução: desabotoe-os, sem medo.

#5 O lenço de bolso deve combinar com a gravata sem repetir sua estampa.

O lenço de bolso de paletó ou blazer é um toque final de elegância a composição, independente de ser usado em ocasião formal ou casual, no entanto, o importante é sempre coordenar suas cores e estampas com as da gravata, sem que essas pertençam ao mesmo modelo.

Exceção: quando você não for usar gravata, a liberdade escolha para abusar na escolha de estampa e cor.

Solução: escolha cores que não entrem em conflito com as da camisa e do costume ou blazer. Os trajes neutros permitem qualquer cor, então aproveite para ousar, sem perder a essência e harmonia!