Mitos e verdades sobre o café da manhã saudável

Saiba quais são os melhores alimentos para essa refeição

Por ser a primeira refeição do dia, após horas de sono sem ingerir comida, o café da manhã é considerado como a refeição mais importante do dia. O alimento servido nessa refeição varia de acordo com a cultura de cada região, no Brasil os principais ingredientes são mandioca e milho, que originam pães, bolos e outros quitutes.

Com a crescente busca por uma vida mais saudável, muitas pessoas mudaram seus hábitos alimentares, colocando em sua mesa alimentos com baixas calorias, ingerindo alimentos integrais, cereais e optando por levar para casa alimentos que contenham as palavras diet e light/zero em suas embalagens, mas será que isso é mesmo seguro?

Segundo a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), os alimentos light são direcionados às pessoas saudáveis, já os alimentos diet aos grupos de pessoas com necessidades específicas. Porém os alimentos light e diet são muito utilizados em dietas de emagrecimento por conterem menores quantidades de açúcar, gordura, calorias ou sal. No entanto, nem sempre esses alimentos são as melhores escolhas, pois para manter o sabor agradável para o consumidor, muitas vezes a indústria compensa a redução de açúcar por gordura, por exemplo, deixando o alimento ainda mais calórico.

Para não ser enganado, os nutricionistas recomendam que antes da compra, o consumidor faça a leitura do rótulo e fique atento aos números da tabela nutricional, conferindo assim os níveis de açúcar, sal, carboidratos, entre outros componentes.

Segundo informações de profissionais que são nutricionistas, a melhor opção para um café da manhã 100% saudável é ingestão de frutas e alimentos com baixo teor glicêmico, exemplos destes são cenoura, nozes, iogurte natural, leite integral… Café preto sem açúcar, chá verde, leite de soja são ótimas opções saudáveis para reposição de energia no organismo. Já as frutas, mingau de aveia, pão integral são alimentos rico em fibras, que oferecem uma sensação de saciedade por longo prazo.

Além dessas opções, outra dica para o café da manhã é o consumo de alimentos funcionais. Alimentos funcionais são alimentos ou ingredientes que oferecem benefícios à saúde, além de suas funções nutricionais básicas. Eles podem, por exemplo, reduzir o risco de doenças crônicas degenerativas, como câncer e diabetes, entre outras.

Lista de alimentos funcionais:

  • Sardinha, sementes de chia, nozes: são ricos em Ômega 3, que ajudam a diminuir o risco de doenças cardiovasculares, combatem as inflamações e ajudam a melhorar as capacidades do cérebro.
  • Tomate, goiaba, melancia: têm grandes quantidades de Licopeno, um antioxidante que ajuda a baixar o colesterol e a diminuir o risco de ter câncer na próstata.
  • Iogurte, kefir: alimentos com probióticos, que são bactérias boas que regulam o intestino evitando a prisão de ventre e prevenindo o aparecimento de câncer no cólon.
  • Milho, kiwi, abobrinha: ricos em luteína e zeaxantina, antioxidantes que evitam a degeneração macular e o aparecimento de cataratas.
  • Chá verde, uva roxa, vinho tinto: são alimentos com catequinas que ajudam a prevenir vários tipos de câncer e a fortalecer o sistema imunológico.
  • Milho, soja: têm fitoesteróis que são substâncias que ajudam a baixar o colesterol e a reduzir o risco do aparecimento de doenças cardiovasculares.
  • Farelo de cereais, maracujá, amêndoas com pele: alimentos ricos em fibras ajudam a regular o intestino diminuindo as chances de ter câncer no cólon.