Meu filho vai morar sozinho, e agora?

Entenda como sua vida pode ser ainda mais animada com a saída do seu filho

Durante toda a nossa vida ouvimos que devemos criar nossos filhos para o mundo, mas falar é fácil! Desde o nascimento, a primeira palavra, o primeiro dentinho de leite, a primeira paquera na escola, nunca imaginamos que a hora deles deixarem o conforto do lar e se aventurarem pelo mundo irá chegar. Lidar com as dúvidas e inseguranças pode ser uma tarefa difícil e dolorosa tanto para os pais quanto para os filhos, porém necessária.

 

Nunca sabemos exatamente qual é a hora de partir e deixá-los partir, talvez por uma oportunidade de emprego, estudar fora, ou até mesmo pela tão sonhada independência, mas alguns fatores devem ser levados em conta na hora de tomar essa decisão. Maturidade, responsabilidade, condições financeiras e emocionais serão pontos decisivos no sucesso dessa nova fase. Estar ciente e preparado para as dificuldades e desafios deixará a adaptação muito mais fácil.

 

Veja o lado positivo

 

Toda mudança tem seu lado positivo. Aproveite para realizar atividades que antes não eram possíveis, passe mais tempo com seu companheiro, termine os projetos que ficaram para trás, invista em si mesmo. Continue acompanhando e incentivando o crescimento de seu filho, mas sem ficar se lamentando por ele ter partido.

 

A saída do ninho é um processo natural, quem ainda não passou por isso, vai passar. Encare como uma fase e se mantenha forte e confiante nos ensinamentos que passou ao seu filho. Acredite no potencial dele e esteja certo do sucesso e das conquistas que essa nova fase irá proporcionar, mas sempre fique preparado para aquele help que só os pais podem dar.