Meu filho começou a namorar escondido, como ajudar a quebrar o gelo?

Meu filho está namorando escondido, aprenda a ter uma conversa madura com ele

Algumas coisas da vida são feitas para que muitos não saibam sobre o que está acontecendo, o que é o caso do namoro escondido. Filhos escondem de seus pais relacionamentos que estão vivendo. E qual o motivo?

Geralmente nas famílias, pai tem ciúmes da filha e a mãe do filho. No caso dela, a mãe morre de amores pelo relacionamento, mas o pai ferve de nervosismo com o mesmo, louco para saber quem é o pretendente. Já no caso dele, o pai apóia sempre, falando coisas (às vezes absurdas) para o filho, encorajando-o, enquanto a mãe se retorce em um canto, exigindo explicações, muitas delas alegando o crescimento exagerado do seu filho. Tudo se resume em apenas uma única frase: “meus pais não irão deixar”.

Namorar escondido é visto como um sinônimo de rebeldia. Os jovens enxergam que quando não coagidos como adultos que pensam ser, acabam decidindo que o namoro escondido é a melhor opção, assim como o silêncio.

Se desconfiam que seu filho(a) esteja tendo um namoro escondido, é hora de mostrar o lado “melhores amigos”. Seu filho precisa de apoio, precisa de suporte para conseguir enfrentar as barreiras da vida – já diziam que a família é o alicerce da vida de uma pessoa –, ele certamente precisará que esse alicerce esteja firme e forte.

Quando o seu filho se sente indisposto em assumir, é o momento para verem o que está acontecendo, não com ele, mas com vocês. Os adolescentes e os jovens são muito imprevisíveis e inseguros, sempre buscam um ponto de apoio para se sustentar, o que seriam as influências. Se ele não conta, alguma coisa o atrapalha no modo como vocês vêem o mundo e os variados tipos de relacionamentos, principalmente quando o assunto envolve relações sexuais (a primeira vez, vontades e desejos, medos, precauções), o que o torna ainda mais inseguro. É fundamental, então, que deixe o terreno o mais plaino para que ele possa pisar e andar sem dificuldades .

Escutem o que ele tem a dizer. A parte do seu filho também é essencial, não se esqueça. Todo apoio é bem-vindo. Mostrem suas posições enquanto pais, encaminhando-o para melhores caminhos com alternativas saudáveis. Ou seja, tenham uma conversa madura, sem escândalos ou xingamentos. Com toda certeza, isso fará com que ambos os lados fortifiquem seus laços, aumentando o índice de confiança, tanto em seu filho, como para a relação entre vocês. Além de respeitar o momento dele, caso não queira comentar nada sobre por enquanto.

A vida é curta, o mundo é imenso e nós temos que viver intensamente todas as oportunidades que surgem no nosso caminho. Afinal, de nada valeria a vida se não fosse vivida.