Como saber a hora certa para perder a virgindade?

Entenda como você pode aprender mais sobre seu momento íntimo e deixar o medo de lado para aproveitar sua primeira vez

Com a puberdade e as mudanças hormonais que ocorrem na vida dos adolescentes, chega certo momento em que os interesses mudam. Surgem novos desejos, e sim, é natural a vontade de ter relações sexuais.

Porém, tão importante quanto saber a hora certa é saber por que você quer perder a virgindade. Se a resposta estiver relacionada à pressão alheia, seja dos parceiros ou dos amigos, então saiba que você deve esperar mais um pouco para se sentir preparado.

Antes de partir para o ato, converse com os amigos, marque uma consulta com seu médico, assista a filmes, pesquise e fique ciente que na hora H não vai ser exatamente como se imaginou. Você pode se surpreender ou descobrir coisas ruins que acontecem com naturalidade durante o sexo e que nunca te contaram antes.

Muitos homens se deixam tomar pelo estresse e pela expectativa de que a primeira vez seja uma grande mudança na sua vida, mas na verdade primeiras vezes são bagunçadas. É só lembrar-se do seu primeiro beijo e como você está melhor nisso agora. É natural que você não se saia tão bem pela falta de experiência, por isso o mais importante nesse momento é relaxar e aproveitar ao máximo.

Faça tudo em seu tempo

Não se sinta obrigado a perder sua virgindade. Não deixe com que os outros o submetam a tomar uma decisão precipitada. Não queira perder só por perder, só para dizer não é mais virgem. Não há nada de errado em querer esperar até se sentir pronto, pelo contrário, você só deve tomar essa iniciativa quanto estiver totalmente seguro de que é o certo.

Controle a ansiedade

Todo cara fica ansioso na primeira vez. É o auge da sua adolescência e você terá suas expectativas e as da sua parceira/do seu parceiro para atingir, lembre-se sempre que ela/ele estarão tão nervosos quanto você.

Dessa forma, tente ao máximo controlar seu nervosismo, afinal, sexo é um momento de prazer e a tensão é inimiga do prazer. Por isso, foque suas ações e pensamentos apenas em se divertir, não em dar o máximo e impressionar o mundo inteiro.  Fique tranquilo e curta o instante.

Esteja preparado

É importante que você conheça seu corpo, para isso, a masturbação é fundamental, só assim você saberá do que gosta e o que não gosta. Ler sobre sexo e assistir filmes pornôs não são tabus, é a maneira mais direta de se ter um contato com o ato antes da real relação.

Além disso, o uso da camisinha deve ser praticado para não ocorrer dificuldades e estragar o clima do casal. Já as preliminares devem ser longas para que os dois se sintam confortáveis tanto um com o outro, quanto com seus corpos.

Ejaculação precoce e impotência

Bem-vindo ao principal dilema masculino. Muitos homens enfrentam a ejaculação precoce e gozam rápido no início de sua vida sexual. Esse acontecimento não deve ser visto como um problema, apenas como falta de experiência e prática, já que com o tempo isso tende de acabar.

Em outros casos, o estresse por querer fazer um bom trabalho pode ser tanto, que você não conseguirá manter a ereção. O medo de falhar é tão grande que o homem acaba falhando. A ansiedade é a principal causa desse transtorno.

Assim, tente manter-se relaxado e entenda que sexo é aprendizado e, em geral, as experiências melhoram o desempenho. Não vá rápido demais, e só inicie o ato quando estiver 100% confortável.

Não se esqueça dos cuidados com os ricos de engravidar e as doenças, por isso use camisinha sempre! Preocupe-se não só em sentir prazer como em oferecer prazer, tente manter uma conversa para saber do que você e sua parceira/seu parceiro estão gostando durante o sexo. Por último, não leve sua primeira vez tão a sério, apesar de ser um ritual de passagem, você deve saber que melhorará com o tempo, por isso mantenha a calma para curtir cada segundo!