Carne na dieta?

Será que a carne realmente é um bom ingrediente para adicionar na dieta?

O princípio da dieta da carne é bastante simples: você deve trocar os alimentos ricos em carboidratos por carne branca e vermelha.

Os carboidratos são a principal fonte de energia do organismo. O problema é que alguns alimentos ricos em carboidratos são digeridos muito rapidamente, e provocam uma elevação dos níveis de glicose no sangue.

Essa elevação dos níveis de glicose força o pâncreas a secretar muita insulina, e isso favorece o aumento de peso e também provoca muita fome.

Ao substituir os alimentos ricos em carboidratos por carnes, seu organismo recebe uma grande quantidade de proteínas e gordura. Isso provoca saciedade e, ao mesmo tempo, favorece a queima de gordura.

Porém, por que a dieta da carne favorece a queima de gordura?

A resposta é bem simples. Ao ser privado de carboidratos, o corpo é obrigado a buscar uma nova fonte de energia. A boa notícia é que ele sabe que a gordura armazenada é um excelente combustível.

 

Como funciona?

A dieta da carne obriga o corpo a entrar em cetose. Isso quer dizer que ele começa a queimar muita gordura para produzir energia.

Quanto mais gordura o corpo queima, mais peso a pessoa perde.

Além disso, quando o corpo entra em cetose, é comum sentir menos fome e menos vontade de comer doces. É por isso que a dieta da carne é um dos regimes mais fáceis de seguir e que provoca os resultados mais rápidos.

 

Cuidados

É verdade que a dieta da carne proporciona emagrecimento rápido, no entanto você não deve segui-la por mais de 3 meses.

Essa dieta, quando seguida por longos períodos de tempo, pode provocar vários problemas de saúde, como entupimento de vasos sanguíneos, AVC, insuficiência real, irritabilidade, ansiedade, insônia, dentre outros.

 

Deve-se ingerir no máximo 1200 calorias por dia

Vantagens: a carne contém proteína que proporciona saciedade. Ela é rica em proteína, zinco, Vitamina B12 e ferro.

São absorvidas mais rapidamente que os outros alimentos. Promove a perda rápida de peso devido ao baixo consumo de carboidratos.

Desvantagens: como foi dito, esta dieta não pode ultrapassar três meses, pois nosso corpo necessita de todos os nutrientes para funcionar normalmente.