Bruxismo: fique atento aos sinais

Conheça as causas, sintomas e formas de tratamentos dessa doença

O que é bruxismo? Se você costuma acordar com dor de cabeça ou com os músculos da sua mandíbula doloridos, saiba que você pode estar sofrendo de bruxismo – um ranger ou um forte apertar entre os dentes.  Essa doença pode fazer com que os seus dentes fiquem doloridos ou soltos, e, às vezes, partes deles são literalmente desgastados. Eventualmente, pode ainda acarretar a destruição do osso circunvizinho e do tecido da gengiva. O Bruxismo também pode levar a problemas que envolvam a articulação da mandíbula, como síndrome da articulação têmporo-mandibular (ATM).

Por que isso ocorre?

Muitos médicos e dentistas podem desconhecer a causa, mas o bruxismo pode ocorrer devido ao estresse psicológico experimentado pelas pessoas no dia-a-dia. Esse estresse pode ter sua origem em fatores internos e externos. Os fatores internos, por exemplo, podem ser os alimentos que você consome, seu nível de preparo físico, sua estabilidade emocional, estado de saúde geral, nível de bem-estar e o número de horas que você dorme todas as noites. Os fatores externos estão relacionados com o estresse psicológico e ligados ao ambiente em que você vive, sua interação com as pessoas e a maneira em que você enfrenta os desafios cotidianos.

Sinais e Sintomas

Caso você esteja com algum dos seguintes sintomas, você pode estar sofrendo de bruxismo:

Contrações rítmicas dos músculos da mandíbula;

Ranger os dentes, emitindo um som que pode perturbar o sono da pessoa com quem você compartilha o quarto;

Músculos da mandíbula apertados ou doloridos;

Estalo ou clique quando você mexe a articulação temporomandibular;

Dor por um período prolongado nos músculos da face;

Dentes danificados, restaurações dentárias quebradas e gengiva ferida;

Dor de cabeça;

Inchaço (ocasional) na mandíbula inferior devido ao apertar dos dentes.

Consequências

Desgaste do esmalte dentário e até mesmo da dentina;

Quebra dos dentes e próteses;

Sensibilidade dentinária;

Dor e mobilidade dos dentes;

Dor facial devido à força com que os músculos maxilares são pressionados;

Dor de cabeça;

Fadiga facial geral;

Dor na articulação temporomandibular.

Tratamento

Os portadores de bruxismo devem procurar a ajuda de um dentista/especialista para determinar a causa do problema. O dentista pode recomendar o uso de placas oclusais para evitar a pressão ou o ranger de dentes durante o sono. Além disso, ele pode sugerir formas de reduzir o estresse e, portanto, o nível de bruxismo. Você pode também evitar alimentos como chocolate e bebidas que contenham cafeína e álcool. Evite mastigar com muita força e peça a seu dentista ou cirurgião maxilofacial que lhe indique alguns exercícios para relaxar os músculos maxilares durante o dia. Se, no seu caso, as dores forem de um bruxismo mais severo, o especialista pode recomendar não só o uso da placa, mas prescrever também medicamentos para que você relaxe ou durma melhor. Seu dentista pode ajudá-lo a descobrir a causa e como amenizar este problema.

Dessa forma, se você leu esse artigo e se identificou com a doença, procure um dentista o mais rápido possível, se você não conhecer algum especialista, vou indicar agora o meu, no qual confio de olhos fechados:

Consultório Odontológico Dr. Weidson Gonçalves

Rua Fortaleza, 2533

Cascavel/PR

(45) 3038-4102

(45) 99900-6671